Analytics

menu

Image Map

quinta-feira, 1 de outubro de 2015

Grávida é morta a tiros, mas bebê de 8 meses sobrevive

Foto: Reprodução/RBS TV
Uma mulher de 35 anos, grávida de 8 meses, morreu após ser baleada na manhã desta quinta-feira (1º), em Pelotas, no sul do Rio Grande do Sul.

Segundo informações do G1, Barbara Muniz chegou a ser socorrida e encaminhada para o Hospital São Francisco de Paula, mas não resistiu e morreu antes de chegar ao local.

Médicos fizeram um parto de emergência e conseguiram salvar o bebê, que não havia sido atingido pelos tiros. A criança segue internada em estado gravíssimo na Unidade de Tratamento Intensiva (UTI) pediátrica do hospital.

Tiros 

O crime aconteceu na Rua Valmório Dutra Machado, no bairro Areal, em Pelotas, por volta das 12h. De acordo com a Delegacia de Homicídios e Desaparecidos (DHD), Barbara estava tomando chimarrão na casa de uma vizinha, que fica a 30m de sua residência, quando dois homens chegaram armados em uma motocicleta. 

Segundo testemunhas, eles atiraram, no mínimo, quatro vezes contra a vítima e depois fugiram. O marido de Barbara estava em casa e ouviu os tiros. Ele chegou a socorrer a mulher e, logo depois, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou, mas a vítima não resistiu e morreu antes de chegar ao hospital.

Depoimentos 

A vizinha de Barbara, que não teve o nome divulgado, está em estado de choque e não conseguiu prestar depoimento para a polícia. Já o marido da vítima foi até o hospital para acompanhar o parto forçado da criança. 

De acordo com o G1, a polícia já identificou os possíveis suspeitos do crime. Segundo a Brigada Militar, a vítima teria envolvimento com o tráfico de drogas.

Fonte: Correio
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...