Analytics

sábado, 6 de maio de 2017

Nazaré: Prefeitura investiga derramamento de azeite de dendê

Foto: Reprodução | BN
A Prefeitura de Nazaré, no Recôncavo Baiano, está investigando o derramamento de uma grande quantidade de azeite de dendê no Rio Jaguaripe, que corta a cidade. A Secretaria de Meio Ambiente do município e o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Bahia (Inema) foram contatados pelo Ministério Público da Bahia (MP-BA) que pediu que medidas de contenção fossem tomadas, além da identificação do causador do dano ambiental.

"Logo que fomos informados, fomos ao local verificar a dimensão da poluição, do desastre. Entramos em contato com o Ministério Público e, junto com o órgão, estamos investigando pra poder responsabilizar quem cometeu esse crime", afirmou o secretário de Planejamento e Meio Ambiente de Nazaré, Cidney Sacramento.

De acordo com informações do G1, o secretário suspeita que o derramamento tenha sido feito por uma fábrica clandestina. Há apenas uma empresa licenciada para operar com óleo de dendê em Nazaré. No entanto, Sacramento afirmou que não foram encontrados vestígios que o problema tenha sido causado por essa empresa.

"Nossa equipe técnica e ambiental foi lá na empresa [que possui licença para operação]. Averiguamos tudo e não encontramos nenhum vestígio que pudesse ter saído de lá. Com isso, temos duas suspeitas: ou isso ocorreu durante o transporte do material pela terceirizada ligada a essa empresa ou também pode ter sido alguma fábrica clandestina que opera na cidade. Até o momento, no entanto, não sabemos", destacou Cidney Sacramento.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...