Analytics

menu

Image Map

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Muritiba: Programa Escutas Culturais inicia a criação do Sistema Municipal de Cultura na sexta (29)

Imagem: Divulgação
Para discutir, formular, construir e encaminhar as políticas públicas culturais de Muritiba, lançamos na última terça-feira (18), o Programa Escutas Culturais, que tem o objetivo de promover a construção e organização do setor cultural entre o poder público, os conselhos municipais de cultura e a sociedade civil. A proposta foi apresentada pelo Secretário de Cultura, Desportos e Lazer, Luciano de Miranda juntamente com o assessor técnico da pasta, o museólogo Vinícius Zacarias.

O prefeito Danilo de Babão, acredita na relevância deste programa para o município, que precisa de um diagnóstico para conduzir o Plano Municipal de Cultura.

"Percebemos a importância da cultura estar sempre em debate no município, o que muitas vezes não ocorre. A proposta das Escutas Culturais é construir o Sistema Municipal de Cultura, ou seja, o Conselho, Plano e Fundo, para a partir daí começar o trabalho institucionalizado voltado à cultura, de uma forma que Muritiba nunca teve", explicou o prefeito.

O programa cumpre com o termo de adesão firmado junto ao Governo do Estado, onde o município se compromete na criação do Sistema Municipal de Cultura até dezembro de 2018. Até lá, o programa receberá 3 etapas: Direito de Criar; Direito de Acessar; e Direito de Participar, inspirados nos princípios constitucionais do Direito Cultural. No período serão realizadas diversas Escutas Culturais, a fim de criar o "CPF da Cultura": conselho, plano e fundo.

"A institucionalização da gestão cultural é algo recente do Brasil, por isso enfrentamos ainda muita incompreensão por parte dos gestores municipais nos interiores do estado. Muritiba é privilegiada, pois o prefeito Danilo Sampaio e o secretário Luciano de Miranda se mostram sensibilizados e interessados na criação do sistema, e contamos com a primordial colaboração da Casa Legislativa, através do mandato do vereador Paulo Ricardo. A população pode ter certeza, investir na cultura é investir em trabalho, emprego e renda!", ressaltou o técnico Vinícius Zacarias

Uma das principais matrizes da política cultural em Muritiba é o desenvolvimento econômico, visando a potencialidade da cultura na movimentação econômica através do turismo e economia criativa. São artistas, artesões, grupos, instituições, intelectuais, além de iniciativas transversais de cunho esportivos e social que compõe toda essa rede cultural. O Programa Escutas Culturais tem um planejamento estratégico de busca ativa a todos os esses fazedores e instituições, garantindo a participação de todos no processo.

O Secretário de Cultura, Luciano de Miranda, ressalta a importância desse projeto e faz um chamado para próximas discussões: "A partir das Escutas, conseguiremos mapear as demandas mais significativas para a população no âmbito da cultura, e isso servirá de ponto de partida para a organização do Plano. Pedimos que todos participem, principalmente as nossas centenárias filarmômicas 05 de Março e Lira Popular Muritibana, além do Samba de Roda Segura a Véia de Seu Avelino", discorreu.

A lei do Sistema Municipal de Cultura já está em tramitação na Câmara de Vereadores, e homenageará com o nome do saudoso Paulo José - ex-presidente da Filarmônica 05 de Março, uma das figuras mais destacadas no ativismo cultural em nosso município.

A primeira Escuta Cultura acontece na sexta-feira (29), na Câmara de Vereadores, a partir das 9h, e contará com a palestra do Prof. Dr. Wilson Penteado (UFRB), um dos maiores intelectuais na temática patrimônio cultural imaterial, além da reativação do Conselho de Políticas Culturais. Ao total, serão 4 escutas até o final do ano, com uma programação diversa e convidados.

Confira a programação clicando na imagem para ampliar:

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...