Analytics

menu

Image Map

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Empresário que morreu após ser incendiado disse nome de suspeito ao ser atendido

Foto: Reprodução/Arquivo pessoal
A Polícia Civil de Feira de Santana já tem o nome de um suspeito de incendiar o corpo de um empresário no último sábado (18). Ao ser socorrido, Manoel Carlos Santana, 61 anos, disse para sua esposa o nome da pessoa que teria cometido o crime. A vítima do crime morreu no Hospital Geral Clériston Andrade, na tarde de ontem (19).

A delegada titular da Delegacia de Homicídios da cidade, Ana Cristina Carvalho, disse que a Polícia Civil já descartou a hipótese de latrocínio, que foi levantada após o crime. "Estamos trabalhando com informações passadas por familiares", disse ao Correio24horas, se referindo ao nome indicado pela esposa da vítima.

Ana Cristina não revelou qual a relação entre Manoel Carlos e o suspeito de cometer o crime, mas disse que os dois "estavam envolvidos em questões patrimoniais". Pessoas que estavam perto do local do crime também indicam que um segundo criminoso participou da morte do empresário. Até o momento, ninguém foi preso. 

Entenda o caso
 
Manoel teve o corpo queimado por criminosos dentro do próprio restaurante em Feira de Santana. O crime aconteceu na tarde deste sábado (18). As imagens do momento em que o empresário teve as chamas do corpo apagadas foram gravadas por testemunhas.

O vídeo mostra o momento em que o empresário, mesmo com as mãos amarradas, consegue sair do restaurante e pedir ajuda. Desesperadas, algumas pessoas que veem o homem em chamas tentam apagar o fogo com água e extintores de incêndio. "Joga água, joga água. Meu Deus", grita um homem, enquanto tenta apagar o fogo.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...