Analytics

menu

Image Map

quinta-feira, 31 de julho de 2014

Muritiba: Galera, Figura irreverente da cidade é encontrado morto no Bairro Sete Pecados

Foto: Primogênio Notícias
Muritiba (Ba) - O irreverente muritibano Edson de Jesus Silva, conhecido popularmente na cidade como “Galera”, foi encontrado morto em uma casa, na travessa Venceslau Carvalho, Bairro do Sete Pecados, no final da tarde dessa quinta-feira (31), segundo a Polícia Civil local.

O corpo de Galera, que tinha 41 anos, foi encontrado por policiais civis, por volta das 16h00. Ele tinha marcas de faca no pescoço e no peito.

Ainda segundo os investigadores, a suspeita é que Carlos Alfredo Conceição da Cruz, o Belo, tenha sido o autor do crime. Belo cumpriu sete anos de prisão no presidio de Feira de Santana por tráfico de drogas, e estava em liberdade há dois meses. Segundo pessoas ligadas a vítima, Belo e Galera tinham um relacionamento.

De acordo com informações iniciais da investigação, vizinhos teriam ouvido uma forte discussão entre Belo e Galera na noite anterior. Na tarde dessa quinta-feira, a polícia foi informada da possibilidade de Belo ter feito algo contra a vida de Galera. Ao entrar na residência, os investigadores se depararam com o corpo.

A Polícia Civil de Muritiba está investigando o caso. Ainda não se sabe se o crime aconteceu na noite anterior ou na manhã de hoje. O corpo de Galera foi removido para o Instituto Médico Legal de Santo Antônio de Jesus.

Irreverente

Pra quem conhecia Galera, era difícil associá-lo ao nome de batismo: Edson. Seria sério demais para o muritibano que se travestia nos eventos festivos para se divertir e, também, divertir adultos e crianças.

Muitas vezes, grandes nomes da música baiana que se apresentavam durante a Festa do Bonfim, um dos eventos mais populares do recôncavo, chamavam galera até o palco. E ele ia. Sempre sorrindo, cheio de irreverência.

Nessa quinta-feira, 31 de julho de 2014, Muritiba recebe com tristeza a notícia da morte brutal de Galera.

Fonte: Primogênio Notícias
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook