Analytics

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

Vazam informações sobre a causa da morte de Dolores O'Riordan, cantora do Cranberries

Foto: Divulgação | Reuters
Apesar de entristecer fãs pelo mundo todo, a morte da cantora Dolores O'Riordan, nessa segunda(15), não teve sua causa oficial revelada.

A possibilidade de um suposto suicídio começou a ser especulada pela imprensa internacional. Dados revelados pelo jornal Santa Monica Observer sugerem que a lendária cantora da banda irlandesa The Cranberries teria morrido de intoxicação intencional por fentanil, analgésico que pode ser 50 vezes mais forte do que a heroína.

Citando uma fonte anônima do Departamento de Polícia de Londres, o jornal do sul da Califórnia diz que o fentanil foi encontrado perto da cama da cantora. Além disso, o informante detalha que Dolores tomou uma overdose intencional.

Apesar desta versão, um porta-voz da polícia disse recentemente à NBC News que "sua morte não está sendo considerada suspeita".

Até agora, não há informações oficiais sobre as causas que levaram a cantora de 46 anos à morte. Tudo indica que dentro de alguns dias os relatórios de toxicologia sejam revelados.

Na espera da versão oficial, ressurgiram detalhes sobre a vida da cantora, incluindo o fato de que ela sofria de transtorno bipolar e depressão, de acordo com The Mirror.

Durante uma entrevista em 2015 para o site britânico Metro News, Dolores falou sobre a sua doença:

"Eu tenho transtorno bipolar, então experimentei extremos durante minha vida, mas fui diagnosticada há dois anos. Existem dois extremos do espectro, você pode estar extremamente deprimido e perder o interesse em tudo o que você gosta de fazer e então você se torna maníaco… Eu estava no lado hipomaníaco do espectro de forma intermitente por um longo período, mas geralmente isso pode durar cerca de três meses antes que você bata no fundo e vá para uma depressão. Quando você é um maníaco, você não consegue dormir e você se torna paranoico. Então estou lidando com isso com medicamentos ", explicou ela.

Segundo a TMZ, a cantora tentou tirar a vida em 2013 como resultado de uma crise mental causada por sua bipolaridade. Aparentemente, Dolores acreditava que seus problemas emocionais foram causados por ela ter sofrido abusos na infância. Informações do Metro Jornal.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Facebook