Analytics

menu

Image Map

sábado, 13 de outubro de 2018

Bolsonaro afirma que suspeita de fraude nas urnas vale apenas para eleição de presidente

Foto: Reprodução
O candidato à Presidência do PSL, Jair Bolsonaro, voltou a lançar dúvidas sobre a segurança da votação via urna eletrônica. No entanto, ressaltou que a suspeição é apenas para a votação para presidente.

Vale lembrar que Bolsonaro elegeu a segunda maior bancada para a Câmara, com 52 deputados, e terminou o primeiro turno em primeiro lugar. Mesmo assim, o presidenciável disse que sabe de "muito equívoco" na votação do último final de semana e comentou que "a senhora que trabalha" em sua casa não conseguiu votar para presidente.

"Daí alguém fala: 'ah, se houvesse fraude, não teria feito 52 deputados federais do PSL.' Olha, a desconfiança é exatamente na votação para presidente", disse Bolsonaro. "Se eu for presidente, pode ter certeza: nós vamos ter, já nas eleições de 2020, uma forma segura para votar, onde se possa fazer auditoria", afirmou durante uma transmissão ao vivo no Facebook. Bolsonaro, no entanto, disse não querer falar de fraude "ainda". "Até para não levar pancada dos outros", emendou. O candidato ainda recorreu a uma teoria da conspiração para falar sobre fraude nas eleições. De acordo com ele, tudo pode ser um plano do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. "Você, se fosse o Lula, aceitaria passivamente ir para a cadeia sem um 'plano B'?", questionou.

Fonte: Bahia Notícias
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook