Analytics

menu

Image Map

terça-feira, 9 de outubro de 2018

Projeto do MP-BA que retira proteína animal da merenda escolar divide opiniões de especialistas

Foto: Reprodução/TV Bahia
Implementado em março de 2018 em 160 escolas e creches das cidades de Biritinga, Serrinha, Barrocas e Teofilândia, no sertão baiano, um projeto do Ministério Público da Bahia que aos poucos está retirando a proteína animal da merenda escolar divide a opinião dos especialistas.

A previsão é de que até o final de 2019, 100% do cardápio da merenda escolar nestas cidades estejam sem proteína animal. Ao todo, cerca de 30 mil alunos são afetados pela mudança, que retira especialmente a carne, o leite e os ovos da merenda. De acordo com a promotora de justiça Letícia Baird, idealizadora do projeto, o "Escola Sustentável" foi pensado após um levantamento sobre a qualidade da merenda ter encontrado muitos casos de desnutrição, obesidade e alergias, além de mau uso do dinheiro público na compra dos alimentos.

Fonte: G1
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook