Analytics

segunda-feira, 8 de junho de 2020

Corinthians chega a três meses de salários atrasados e corre risco de perder jogadores de graça

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag.Corinthians
O Corinthians está há três meses sem pagar salários aos jogadores. Com isso, o clube passa a correr o risco de perder atletas de graça em eventuais ações na Justiça.

A Lei Pelé dá direito a rescisão unilateral do contrato em caso de inadimplência igual ou superior a 90 dias. A informação sobre o não-pagamento dos salários foi noticiada inicialmente pelo site "Meu Timão" e confirmada pelo GloboEsporte.com. Por meio de assessoria de imprensa, o Corinthians reconheceu a dívida e disse que pretende quitá-la nos próximos dias.

A data prevista para o pagamento dos salários era a última sexta-feira, dia 5. Para isso, porém, o clube esperava a antecipação do valor da venda de Pedrinho ao Benfica, de Portugal. O Corinthians chegou a um acerto com um banco estrangeiro para receber cerca de R$ 120 milhões, mas o dinheiro ainda não entrou no caixa alvinegro.

Fonte: G.E
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook