Foto: Reprodução
Um casal e um bebê de um ano que foram feitos reféns dentro da própria casa, no bairro de Águas Claras, em Salvador, foram liberados no início da tarde desta terça-feira (1º), cerca de três horas depois da ação criminosa. O suspeito foi preso em flagrante pela polícia militar. 

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), o Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) fez a libertação dos reféns, que não sofreram ferimentos. Ainda segundo a SSP, o suspeito é irmão de uma das vítimas e faz parte de uma facção criminosa.

A polícia contou que ele fugiu para a localidade conhecida Baixa Fria, em Águas Claras, após ser flagrado com comparsas armados, e invadiu o imóvel onde fez as vítimas reféns. Durante a tentativa de rendição, ele efetuou diversos disparos na direção da porta da casa e no telhado. 

O negociador do Bope conversou com o suspeito através da janela do imóvel e também por um celular. Dois snipers do Bope foram posicionados em pontos estratégicos, mas não efetuaram disparos. Com o suspeito, foram apreendidos uma pistola calibre 40, três carregadores e pinos para embalar cocaína. O criminoso foi apresentado na Central de Flagrantes.


Fonte: G1

Postagem em destaque

Facebook