Analytics

terça-feira, 26 de janeiro de 2021

Muritiba: Firezzi Calçados não retomará suas atividades neste início de 2021, conforme prometido

Imagens: Redes sociais
A unidade fabril da indústria Firezzi Calçados, que estava para retomar suas operações em Muritiba, no Recôncavo Baiano, não virá mais - pelo menos neste início de 2021 como foi prometido.

A empresa fechou as portas e suspendeu suas atividades em julho de 2019 (veja aqui). Com isso, muitos empregos deixaram de existir numa cidade que tem elevada escassez de vagas.

Em uma entrevista, o prefeito de Muritiba, Danilo Sampaio (Danilo de Babão), deu a tão esperada notícia, elevando as esperanças dos muritibanos: a fábrica iria retomar a fabricação de calçados no mês de setembro de 2020 (veja aqui).

Foi dado início a um treinamento aos supostos trabalhadores e trabalhadoras que foram selecionados, e o mês de retorno das operações foi adiado para depois das eleições, "provavelmente em janeiro de 2021". Vídeo e áudios registraram momentos do treinamento, inclusive no final do curso, com a presença do então candidato a reeleição Danilo de Babão.

Veja:

Porém, chegou o prometido mês de retorno e nada da indústria retomar suas operações.

O Diário da Notícia entrou em contato com a Assessoria de Comunicação da Prefeitura, que nos informou que iria buscar mais informações com a direção da empresa, porém, até o momento não houve retorno.

Entramos em contato com a empresa, que tem sede em São Leopoldo - Rio Grande do Sul, e um funcionário do setor financeiro nos disse que a previsão de retorno será ainda no primeiro semestre de 2021, mas, não foi informado quando exatamente. 

Questionado sobre os motivos desse atraso, o mesmo relatou que está faltando matéria-prima para operacionalizar a fabricação de calçados, por causa da pandemia do novo coronavírus.

Leia também: SAJ: Indústria calçadista vai gerar 1 mil empregos em primeira fase de operação

Perguntado sobre essa escassez, se não estava acontecendo na época da eleição de 2020, ele nos falou que a falta de matéria-prima está mais grave neste momento.


Pesquisando nas redes sociais da empresa, mesmo com escassez de matéria-prima em 2020, a Firezzi Calçados não deixou de lançar a Coleção 2021, conforme pode ser visto acima:
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook