Diário da Notícia | Recôncavo Baiano - Rubem Júnior

Foto: Matí­as Baglietto/NurPhoto via Getty Images

Carlos Menem, ex-presidente da Argentina e atual senador pela província de La Rioja, morreu neste domingo (14), aos 90 anos.

Ele foi a pessoa que mais tempo comandou o país vizinho de forma ininterrupta -- foi presidente de 1989 a 1999, com uma política de privatização e forte abertura às importações que o distanciaram da doutrina estatista e industrial histórica de sua força política, o Partido Justicialista. Um outro ramo desse grupo exerce o poder novamente, com Alberto Fernández como presidente.

Fonte: G1

Facebook