Diário da Notícia | Recôncavo Baiano - Rubem Júnior
Foto: Reprodução 
No início da noite desta quinta-feira (13), o exército de Israel afirmou que iniciou ataques por terra na Faixa de Gaza contra o Hamas. O governo do país reforçou o número de soldados e tanques na fronteira do local, com três brigadas posicionadas na região atualmente. 

O número de mortos pelo conflito já chega a pelo menos 109 entre os palestinos e sete entre os israelenses. O dia também contou com foguetes disparados em direção ao território israelense. Em Tel Aviv, as sirenes soaram diversas vezes por causa dos mísseis.

Na cidade de Petah Tikva, uma câmera de vigilância capturou o momento de um desses ataques em um prédio residencial, causando estragos.

Já Israel atirou e destruiu um prédio de seis andares. O governo alega que o edifício pertencia ao Hamas. A agência da Organização das Nações Unidas (ONU) para refugiados palestinos também disse que duas escolas foram atingidas pelos israelenses. 

O Tribunal Internacional de Haia afirmou que já está conduzindo uma investigação para avaliar se os envolvidos no conflito cometeram crimes de guerra.



Fonte: CNN

Facebook