Diário da Notícia | Recôncavo Baiano - Rubem Júnior
Imagem: Reprodução 
O ministro da Controladoria Geral da União (CGU), Wagner Rosário, vai depor na CPI da Pandemia. A convocação dele foi aprovada nesta quinta-feira (10), com o objetivo de perguntar sobre 53 operações que envolvem recursos federais destinados à pandemia entre março de 2020 e abril de 2021. 

Autor do requerimento, o senador Eduardo Girão (Podemos-CE) afirmou que o prejuízo apurado até agora é de R$ 39 milhões. Para investigar os repasses federais para estados e municípios, a CPI aprovou convites para ouvir o presidente do Conselho Nacional de Saúde (CNS), Fernando Zasso Pigatto, e representantes do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass).



Fonte: bahia.ba

Facebook