Analytics

menu

Image Map

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Técnicos de radiologia podem parar por tempo indeterminado em unidades do estado

Foto: Reprodução
O sindicato dos técnicos e auxiliares de radiologia do estado (Sindimagem) pode deflagrar uma greve por tempo indeterminado a partir da próxima semana. De acordo com o presidente da representação, Renato Reis, os profissionais cobram a implantação do salário base de R$ 1.448, previsto, segundo Reis, na Lei 7.394 que regulamenta a profissão de técnicos, instituída ainda no governo Sarney, em 1985, e atualizada em 2012. "Entre quarta e quinta nós vamos fazer uma assembleia geral para decidir pela greve", informa Renato Reis em entrevista ao Bahia Notícias. Os profissionais exigem também redução de carga horária, plano de carreira, adicional de insalubridade e gratificações iguais nas unidades, entre outros pontos. Reis diz que no estado, os profissionais trabalham em média "30 horas", enquanto deveriam atuar por 20h semanais. Nesta segunda-feira (13), o Diário da Justiça Eletrônico publicou decisão da desembargadora Telma Britto que considerou improcedente uma ação do Estado que pedia a ilegalidade da greve antes mesmo de ser anunciada pelo Sindimagem. De acordo com o dirigente, em hospitais e postos de saúde do estado trabalham cerca de 840 profissionais. Caso ocorra a greve, serviços de imagem como raio X, mamografia e ressonância magnética, podem ficar prejudicados na rede pública estadual. Na quinta (9) e sexta (10), o Sindimagem fez uma paralisação e se reuniu com representantes das secretaria de administração e saúde do Estado que ficaram de responder à entidade.

Fonte: BN
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...