Analytics

menu

Image Map

quarta-feira, 8 de julho de 2015

FEIRA: Artistas e grafiteiros fazem intervenção no Beco da Energia

Fotos: Milena Rodrigues | Facebook
Artistas plásticos e grafiteiros de Feira de Santana estão fazendo uma intervenção artística no Beco da Energia - beco que liga a Rua Marechal Deodoro ao Beco do Mocó, Centro da cidade.

Em contato com o Diário da Notícia, Márcio Punk, um dos organizadores da intervenção, disse que os recursos para o desenvolvimento do trabalho são dos próprios artistas. "As tintas são dos próprios participantes," disse.
Fizeram parte do primeiro momento, que aconteceu no último domingo (05/07): Gabriel Ferreira, Don Guto, Kbeça Grafitti, Ivan Coelho, Charles Mendes e Márcio Punk.
"A intenção é que artistas de outras localidades também participem. Estamos em contato com artistas do Recôncavo Baiano, das cidades de Cachoeira e São Félix," falou Márcio Punk.
O Beco da Energia é um local muito conhecido da cidade, pois, é onde há uma concentração de casas de tolerância e que durante os dias da semana há um forte comércio de ambulantes, principalmente vendedores de frutas e verduras.
Márcio Punk, antes de encerrar o contato, nos enviou uma carta onde ele retrata a real necessidade de revitalização, através da intervenção artística no Beco da Energia. Leia abaixo:

“O BECO É NOSSO”
     
Feira de Santana - Ba, 05 de Julho de 2015.

"Nossa intenção é revitalizar, ressignificar o Beco da Energia (Beco do Mocó) com múltiplas artes e inserção social.

Nosso beco faz parte de vários movimentos culturais e sociais daqui de Feira de Santana. É nele que acontece a Lavagem do Beco do Mocó – às vésperas da Micareta – e passa O Bando Anunciador de Santana – que anuncia as comemorações da Festa de Nossa Senhora Santana.

Várias famílias dependem do local para o seu sustento, portanto é nosso dever conscientizar a todos que ali não é lugar de lixo e nem de fazer necessidades fisiológicas (urinar ou defecar).

Queremos ver todos entrarem e saírem do beco se sentindo acolhidos pela beleza e “energia” do local, seja pelas artes quanto pela limpeza.

Passear, admirar as artes, tirar fotos, beber uma cerveja gelada ou refrigerante; “bater” uma feijoada com mocotó; fazer amor (rsrsrs...).

Olhá-lo como uma “via de Artes” a céu aberto

“O Beco é Nosso”, da comunidade e de todos os artistas e modificadores sociais locais. Vamos convidar todos, não só das artes plásticas, mas também toda população e principalmente os comerciantes das redondezas para apoiarem e contribuírem de qualquer forma. Latas coletoras, banheiros químicos etc.

Todos podem e devem participar: órgãos públicos e privados.

Unidos pelo benefício da cidade e bem estar de todos.

Idealização: Artistas Plásticos e Grafiteiros locais."

Diário da Notícia
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...