Analytics

menu

Image Map

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Feira: professores podem não iniciar ano letivo no dia 11 de fevereiro

Imagem: Paulo José
Reunidos nesta quarta-feira (3) em assembleia do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB-Sindicato), cerca de 200 professores da rede municipal de ensino de Feira de Santana resolveram não iniciar o ano letivo no dia 11 de fevereiro.

De acordo com Marlede Oliveira, diretora do núcleo feirense do sindicato, a decisão é uma forma de protesto contra o que chamam de falta de posicionamento da prefeitura sobre pautas reivindicadas pela categoria. “Nós vamos dar um prazo ao prefeito José Ronaldo até o dia 11 e ele precisa se manifestar. Na mesma data, está marcada uma assembleia e ,se não tiver resposta do prefeito sobre toda essa pauta, principalmente sobre a questão da reserva de 1/3 da carga horária e outros pontos, como a licença pecúnia que não pagou, as horas extras e 1/3 de férias o ano letivo não será iniciado”, afirmou em entrevista ao Acorda Cidade.

Apesar da medida, a diretora afirma que o sindicato está “aberto ao diálogo”. “A responsabilidade agora é dele. Ficou definido pela categoria e o sindicato vai fazer cumprir. Eu quero dizer que isso é uma decisão da categoria. E a categoria disse que quer começar o ano letivo de 2016 com 1/3 da carga horária”, declarou.

Fonte: Bahia Notícias
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...