Analytics

menu

Image Map

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Spike Lee e Jada Pinkett Smith anunciam boicote ao Oscar por falta de diversidade

Imagem: AFP

O diretor Spike Lee e a atriz Jada Pinkett Smith anunciaram que não vão comparecer à cerimônia de entrega do Oscar, em 28 de fevereiro, por conta da falta de atores negros entre os 20 indicados nas categorias de atuação, o que acontece pelo segundo ano consecutivo.

"Como pode em dois anos consecutivos todos os 20 indicados nas categorias de atuação serem brancos? E nem vamos falar das outras categorias. Nós não podemos atuar? Que p... é essa?", escreveu Lee, comentando o assunto. Lee ressaltou que faz seu protesto sem desrespeitar o apresentador Chris Rock, e a presidente da Academia, Chery Boone Isaacs, que são negros.

O desabafo continuou."Dr. (Martin Luther) King disse: 'Chega um momento em que você deve tomar uma posição que não é nem segura, política ou popular, mas deve tomá-la porque a consciência lhe diz que está certa", escreveu o cineasta em seu Instagram.

Jada usou o Facebook para também anunciar um boicote. Em um vídeo, ela falou do caso."Nós somos dignos e poderosos, não vamos esquecer isso". O marido da atriz, Will Smith, estava entre os cotados para ser indicado como melhor ator por "Um Homem Entre Gigantes", mas acabou ficando de fora.

"Talvez seja a hora de retiramos nossos recursos para colocá-los novamente em nossas comunidades, e fazer programas que nos reconheçam de maneira mais apropriada, que são tão boas quanto o chamado 'mainstream'", diz.

Outros atores negros cotados para aparecerem entre os indicados ficaram de fora, como Michael B. Jordan ("Creed: Nascido para lutar"), Idris Elba ("Beasts of No Nation") e Samuel L. Jackson ("Os Oito Odiados"). Depois do anúncio das indicações,  hashtag #OscarsStillSoWhite (Oscar ainda muito branco) foi parar nos assuntos mais comentados.

A presidente da academia comentou a polêmica na quinta-feira (14), dizendo que ficava desapontada com a ausência de negros. "Claro que eu estou desapontada, mas isso não vai tirar a grandeza dos filmes indicados. 2015 foi um grande ano para o cinema, em todos os sentidos", afirmou.

Fonte: Correio 24h
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Facebook