Analytics

menu

Image Map

quinta-feira, 12 de abril de 2018

Cachoeira: "55% da população vive com zero a meio salário mínimo e 1/4 tem doença mental," diz Provedor da Santa Casa

Foto: Reprodução | Iphan
Através de uma mensagem para o WhatsApp do Diário da Notícia, o Provedor da Santa Casa de Misericórdia da Cachoeira, no Recôncavo Baiano, Luiz Araújo (Lu Cachoeira) fez revelações alarmantes no tocante a renda mensal dos cachoeiranos, além de outros dados oficias relacionados a saúde da população.

Segundo Lú Cachoeira, de acordo com o IBGE, 55% da população tem renda per capita de zero a meio salário mínimo e 38% das famílias entre meio e dois salários mínimos. Na saúde, Lú destaca que 7.333 pessoas residentes têm diagnostico de doenças mentais. Ou seja, 1/4 da população já está excluída do mercado de trabalho. Veja outros detalhes no texto abaixo:

"A LOUCURA NO RECÔNCAVO!

NO MUNICÍPIO DE CACHOEIRA OS INDICADORES OFICIAIS REVELAM QUE:

55% das famílias tem renda per capita mensal de 0 a 1/2 (meio) salário minimo;

38% das famílias entre 1/2 a 2 salários mínimos mês;

E, apenas 7% das famílias vivem com renda per capita mensal a partir de 2 salários mínimos à mais.

7.333 pessoas residentes em Cachoeira têm diagnóstico de doenças mentais, e dessas 5.500 são clientes registradas no CAPS.

Esse indicador de lesão mental significa que quase 1/4 da população ativa econômica - PEA já estão excluídas do mercado de mão de obra.

Nesse caso que socorre é o orçamento da previdência social e da saúde.

Qual têm sido as políticas públicas municipal seja preventiva e/ou hospitalar implementadas para enfrentar essa triste realidade?

Com base nesses indicadores é que a Santa Casa de Cachoeira está negociando a implantação de 6 leitos para atender pacientes desse perfil.

Caberá à Atenção Básica de Saúde implantar o CAPS de referência A-D.

Entendo que o enfrentamento dessa lamentável situação deve ser tratada de maneira territorial envolvendo os demais municípios que também deve ter indicadores semelhantes.

Como cantou Caetano Veloso:

"Triste Recôncavo oh quão desemelhante, estás estou....
O Vapor de Cachoeira não navega mais no mar....."

Basta de pão e circo.

O que fazer?"

Luiz Araújo - Provedor da Santa Casa de Misericórdia da Cachoeira
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Facebook