Analytics

menu

Image Map

quinta-feira, 30 de agosto de 2018

SAJ e Cruz das Almas são as cidades mais populosas do Recôncavo e Dom Macedo Costa uma das menores da Bahia, segundo IBGE

Santo Antônio de Jesus é mais populosa do Recôncavo | Foto: News SAJ
Com 100.605 habitantes, Santo Antônio de Jesus é a cidade mais populosa do Recôncavo da Bahia. Em seguida aparece Cruz das Almas com 62.871 habitantes, compondo assim as duas mais populosas da região e despontando também entre as 35 cidades mais populosas da Bahia (veja tabela abaixo).

Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (29), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
Cruz das Almas é a 2ª mais populosa do Recôncavo | Foto: Val Paraíso Hotel
Já o município de Dom Macedo Costa (4.050 pessoas) é o menor do Recôncavo e um dos cinco menores da Bahia, junto com Catolândia (3.555 pessoas), Lafaiete Coutinho (3.757), Lajedinho (3.808), Lajedão (3.934).
Dom Macedo Costa é a menor do Recôncavo | Foto: Tribuna do Recôncavo
Segundo o órgão, a divulgação anual das estimativas da população residente nos municípios brasileiros obedece ao artigo 102 da Lei nº 8.443/1992 e à Lei Complementar nº 143/2013. As estimativas populacionais municipais são um dos parâmetros utilizados pelo Tribunal de Contas da União (TCU) no cálculo do Fundo de Participação de Estados e Municípios (FPE e FPM) e são fundamentais para o cálculo de indicadores econômicos e sociodemográficos.

As populações dos municípios foram estimadas por método matemático e são o resultado da distribuição das populações dos estados, projetadas por métodos demográficos, levando em conta também a tendência de crescimento dos municípios delineada nos dois últimos Censos Demográficos (2000 e 2010). As estimativas municipais também incorporam eventuais alterações de limites territoriais. Nesta edição, as populações dos estados foram consideradas as mesmas estimadas pela Revisão 2018 das Projeções de População, já divulgadas em 25/07/18.

A tabela a seguir mostra os 35 maiores municípios do estado, segundo as Estimativas de População de 2018:
#Portal DdN
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook