Analytics

menu

Image Map

terça-feira, 1 de outubro de 2019

Conde: Homem com distúrbios mentais é morto a tiros por policiais

Foto: Reprodução
Um homem com distúrbios mentais morreu após ser baleado por policiais militares nesta segunda-feira (30), em Conde, no Litoral Norte Baiano. Segundo informações do jornal Correio, testemunhas relataram que o homem, cujo nome não foi identificado, faleceu após ser levado ao Hospital Municipal. Em vídeos que circulam nas redes sociais, ele aparecia com uma faca do tipo peixeira e reagia a abordagem dos PMs. Segundo transeuntes, ele ameaçava numa praça do município.

De acordo com a reportagem, a assessoria da Polícia Militar confirmou o fato e indicou que a Corregedoria vai apurar a conduta dos policiais envolvidos na morte do homem. Ainda segundo a publicação, moradores ouvidos pela reportagem apontam que o homem tinha aparentemente 40 anos e não morava em Conde, mas estava ameaçando pessoas que frequentavam a Praça Severino Viana, no Centro da cidade.

Em um dos momentos do vídeo, civis conduziam as negociações junto aos policiais para acalmar a situação. No registro principal, o homem aparece cercado, num campo aberto, por cinco policiais e um civil. São disparados tiros com arma não letal. Após os primeiros disparos, ele correu em direção aos policiais, que efetuaram tiros contra o homem, que foi ao chão. Ao todo, foram 10 tiros. Segundo a PM, em nota, policiais militares da 51ª CIPM/Conde foram acionados por um morador que dizia que um homem portando uma arma branca, tipo peixeira, estava ameaçando moradores.

A mesma pessoa que fez e denúncia informou que, na sexta-feira (27), o mesmo indivíduo havia invadido sua casa, e tentou matar ele, sua esposa e ainda uma outra pessoa, conforme registrado em boletim de ocorrência. Conforme o comunicado, os policiais deram ordem para que o indivíduo soltasse a faca, quando ele teria ido em direção a um agente, o ferindo com a arma branca.

Ainda de acordo com a Polícia, antes dos disparos, os policiais tentaram imobilizá-lo com meios não letais, como o gás espargidor e bala de borracha. Ainda assim, de acordo com a corporação, o homem continuou agressivo, o que motivou os tiros. Os vídeos sobre o ocorrido serão anexados ao Inquérito Policial Militar (IPM). A ocorrência foi registrada na delegacia territorial do município do Conde.

Fonte: Forte na Notícia
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook