Analytics

menu

Image Map

gov ba

Alta Vista

quarta-feira, 23 de dezembro de 2020

Santo Amaro: Servidores da secretaria de saúde denunciam salários atrasados

Foto: Fé Católica News

Funcionários contratados pela secretaria de saúde de Santo Amaro, no Recôncavo Baiano, estão há dois meses sem receber salários. O secretário de saúde do município, Holmes Rocha garante que os vencimentos serão pagos ainda este ano. 

Em entrevista à Rádio Santo Amaro FM, um servidor, que preferiu não se identificar, disse que um pequeno grupo de funcionários teme não receber após a mudança de gestão. "O prefeito pagou a maior parte dos funcionários da sede, mas os profissionais do distrito estão sem receber o dinheiro de novembro e dezembro. O décimo é a mesma coisa que acreditar em Papai Noel", disse.

Ao todo são seis motoristas de ambulância, um vigilante, e duas funcionárias do posto de saúde que pedem pelos vencimentos. "Fomos na secretaria e não encontramos o secretário. Falaram que o salário seria pago hoje e até agora nada", disse, em referência ao ato realizado nesta terça-feira (22). 

Em entrevista ao BN, Holmes Rocha confirmou que há o atraso de alguns funcionários contratados  e do 13º dos funcionários efetivos, mas justificou que o atraso é consequência do momento pandêmico. "O 13º do efetivo tinha que que ser pago até dia 20, mas não conseguimos pagar. Esta não é uma realidade só de Santo Amaro. Existem outros municípios que estão na mesma situação que a gente. São mais de 100 municípios nesta situação, é um ano atípico que veio a questão da Covid que ninguém esperava, tivemos que contratar mais gente e tudo mais", disse. 

Ainda de acordo com o secretário, o recurso destinado ao pagamento dos atrasados é esperado até o próximo dia trinta. "Eu não posso dizer que vai ser hoje ou amanhã, o recurso entra até dia 30. Mas pode sair hoje ou depois, é incerto", disse.

Rocha concluiu dizendo que está em contato com os servidores por telefone e que as equipes da secretaria de saúde estão prestando esclarecimentos para todos os que se dirigem à pasta.  "Mas os que foram para a porta da secretaria estavam bastante exaltados. Mesmo assim, há um diálogo. Não há omissão por nossa parte", finalizou. 

Nem o secretário, nem a assessoria de imprensa do município souberam precisar ao todo, quantos servidores da saúde estão com os salários atrasados na cidade.

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook