Diário da Notícia | Recôncavo Baiano - Rubem Júnior
Foto: Reprodução
A rede de saúde do município de Faro, no Pará, entrou em colapso com a falta de oxigênio que ocasionou a morte de sete pessoas da mesma família – bisavó, avó, avô, mãe, pai, 2 tios – nas últimas 24 horas, de acordo com informações do Estadão. 

Existem relatos ainda de falta de leitos e medicamentos para os pacientes com o novo coronavírus (Covid-19) internados na cidade que faz fronteira com o estado do Amazonas, cuja capital passou por situação parecida.

Uma das comunidades mais afetadas é de Nova Maracanã, onde 34 pessoas estão hospitalizadas. A escassez ameaça ainda as cidades de Terra Santa, também no Pará, e Nhamundá (AM).



Fonte: Varela Notícia

Facebook