Analytics

segunda-feira, 11 de janeiro de 2021

Farmacêutica brasileira começa produção de Sputnik V, mas doses serão exportadas

Foto: Reprodução
A vacina Sputnik V, desenvolvida por um grupo russo, começará a ser produzida no Brasil pela farmacêutica União Química em Brasília na próxima sexta-feira (15). 

Apesar da produção acontecer no Brasil, todas as doses da vacina russa produzidas pelo laboratório de Brasília serão exportadas para países da América Latina que já registraram o imunizante, como Argentina e Bolívia. 

A informação foi veiculada pela CNN Brasil com base em declarações do diretor de negócios internacionais da empresa, Rogério Rosso. De acordo com reportagem do portal Metrópoles, uma equipe da União Química embarca nesta segunda-feira (11) para a Rússia a fim de tratar do assunto.

“Os insumos, células e meios de cultura já estão na fábrica, e a previsão é realmente iniciar a produção na próxima sexta-feira”, afirmou Rosso. A expectativa da farmacêutica é de que a produção chega à 8 milhões de doses por mês ainda no primeiro semestre de 2021.

A União Química é uma das parceiras do Fundo Russo de Investimento Direto (RDIF) para produção da vacina Sputnik V no Brasil. De acordo com o diretor de negócios internacionais da empresa, Rogério Rosso, a empresa está na etapa final de transferência de tecnologia, traz a matéria do Metrópoles.



Fonte: Bahia Notícias
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook