Diário da Notícia | Recôncavo Baiano - Rubem Júnior
Foto: Reprodução
Pesquisadores estão investigando dois possíveis casos de infecção pela nova variante do coronavírus em Feira de Santana. Os pacientes infectados, com 30 e 40 anos, estavam internados no Hospital de Campanha. 

Segundo o diretor do hospital, Francisco Mota, a suspeita surgiu por conta do “aumento de pacientes chegando com um quadro um pouco mais complexo do que o habitual”.

“Algumas variantes novas como as que foram vistas na Inglaterra, África do Sul, em Manaus mostraram que têm uma letalidade maior, ou seja, teremos um número de óbitos maior, mas o tratamento não muda”, disse Mota. “O que a gente procura fazer hoje é a internação precoce”, explicou.

De acordo com o diretor, ele conversou sobre a sua suspeita com o prefeito Colbert Martins (MDB), médico epidemiologista, que decidiu iniciar, na última quarta-feira (27) a investigação. Os cientistas estão analisando o código genético do vírus para confirmar a hipótese.



Fonte: Metro 1

Facebook