Diário da Notícia | Recôncavo Baiano - Rubem Júnior
Foto: Reprodução
Mesmo com a proibição de eventos de carnaval por todo o país por causa da pandemia da Covid-19, aglomerações não deixaram de acontecer ao longo deste final de semana e na noite de sexta-feira (13). Multidões sem máscaras em praias, ruas, bares lotados e festas foram registradas em diversas cidades do Brasil.

As forças de segurança e fiscalização encerraram os eventos. Houve até uma festa convocada por “influencers” nas redes sociais, que reuniu 3.000 pessoas em Campinas (SP). Segundo o infectologista Álvaro Furtado Costa, do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP, ambientes assim são “totalmente propícios” para a transmissão do coronavírus.

“De novo, a gente (pode ter que) dar passos para trás. E sem levar em consideração o cenário de variação genética, estar longe de uma cobertura vacinal, isso deixa a gente bastante preocupado”, afirmou em entrevista à GloboNews.



Fonte: G1

Facebook