Foto: Reprodução
Uma decisão judicial suspendeu o desligamento de empregados da Ford, na fábrica de Camaçari, na região metropolitana de Salvador (RMS), que estavam marcadas para ocorrer hoje (19). 

A ordem partiu ontem (18) da 3ª Vara do Trabalho de Camaçari, que atendeu ao pedido do Ministério Público do Trabalho da Bahia (MPT-BA).

O MPT-BA divulgou nesta sexta que moveu a ação cautelar após tomar conhecimento de e-mails enviados a alguns supervisores da empresa, informando a data desta sexta para assinatura de um termo de desligamento, sem prévia negociação.

Em decisão judicial de fevereiro, a empresa estava proibida de demitir empregados de sua fábrica em Camaçari até a negociação de condições coletivas. Com a nova liminar, os desligamentos continuam suspensos e o valor da multa por descumprimento foi elevado para sinalizar à montadora a necessidade de cumprimento das decisões judiciais.



Fonte: Metro 1

Facebook