Diário da Notícia | Recôncavo Baiano - Rubem Júnior
Foto: Reprodução
Uma jovem de 19 anos conseguiu chamar a polícia através de um bilhete escrito em um guardanapo após ser assediada pelo chefe durante o expediente. O caso aconteceu na última sexta-feira (28), na cidade de Chapecó, Santa Catarina.

 A moça enviou o bilhete para um casal que pediu uma comida por delivery. Os dois conseguiram ligar para a polícia e pediram que os agentes fossem até o estabelecimento para averiguar tal denúncia. No bilhete estava escrito: “Por favor, chame a polícia nesse endereço. Meu chefe está me assediando e está tentando me drogar. Sou cozinheira. Por favor, não é brincadeira”.

 Ao chegarem no local, a funcionária relatou o ocorrido e, o patrão, de 48 anos, foi conduzido à delegacia. No estabelecimento, os guardas municipais acharam duas buchas de cocaína durante as buscas. A jovem explicou que o patrão propôs a quantia de R$ 150 para manter relações sexuais com ela, além de oferecer cocaína e vinho misturados. Ela também relatou que ele tentou agarra-la durante o trabalho. Apesar de ter sido conduzido à delegacia da cidade, o suspeito não foi preso e um inquérito foi aberto para apurar o crime.



Fonte: BNews

Facebook