Diário da Notícia | Recôncavo Baiano - Rubem Júnior
Foto: Ilustração
Uma garota de 23 anos era mantida em cárcere privado numa casa localizada no Posto Sanca, localidade rural de Muritiba.

Segundo a polícia civil, a jovem estava sendo ameaçada por dois homens ligados ao tráfico de drogas. Um deles chegou a estuprar a garota, após passar a noite com ela, na sua própria residência. Ainda segundo a polícia, um dos homens obrigou a jovem a gravar um áudio no WhatsApp, para uma terceira pessoa, assumindo uma dívida de drogas no valor de R$ 450,00. 

A vítima foi levada a casa, que conforme a polícia é um prostíbulo, onde permaneceu sendo vigiada pelos acusados que a entregariam a um suposto traficante, caso não pagasse o valor corresponde das drogas - que não eram de sua responsabilidade. 

A jovem, após um dos suspeitos pegar no sono, conseguiu fugir e acionar a Polícia Militar que encaminhou o dono da casa noturna até a Delegacia - ele foi preso em flagrante. O segundo homem foi preso nesta terça-feira (01) pela polícia civil. A dupla vai responder por cárcere privado e tráfico de drogas.

Por Fabão Radialista

Facebook