Foto: Reprodução
O índice elevado de transmissão do novo coronavírus no país pode produzir um número ainda maior de casos graves e de óbitos nas próximas semanas, conforme indica um boletim publicado pelo Observatório Fiocruz Covid-19. 

O intervalo entre os dias 13 e 19 de junho marcou a terceira semana consecutiva de alta nas taxas de mortalidade e de incidência da Covid-19, com uma média diária de 72.700 casos e 2.070 óbitos. O número de casos aumentou cerca de 1,3% ao dia no período, e o número de mortes, 0,8% ao dia.

Segundo os pesquisadores, o aumento costuma ser seguido pela alta no número de óbitos após duas semanas, o que projeta a manutenção da tendência de alta da mortalidade ao longo do mês de junho. A taxa de letalidade da doença no Brasil é de 3%, considerado elevado quando comparado a outros países e com os valores registrados no fim de 2020. A insuficiência de testes e a falha na identificação e no tratamento de quadros graves podem explicar o percentual.



Fonte: Bahia Notícias 

Facebook