Imagem: Reprodução 
O pastor Antônio Júnior, um dos mais influentes nas redes sociais, comentou o caso do serial killer Lázaro Barbosa afirmando que a dificuldade da Polícia Militar em localiza-lo pode ser consequência da ação de “forças satânicas”. 

Antônio Júnior tem um canal no YouTube com mais de oito milhões de seguidores, e seus vídeos têm grande alcance entre os usuários da plataforma. Na publicação da última quinta-feira, 24 de junho, o pastor expressou suas impressões sobre o caso. 

“Ele pode estar usando o poder da magia negra para se esconder das forças armadas. É uma história muito parecida com a do Lampião e dos seus soldados, que se escondiam no sertão nordestino”, contextualizou. A hipótese de o criminoso não ter sido localizado por estar sendo “protegido por forças satânicas” foi considerada real por Antônio Júnior:

“Lampião e seus cangaceiros usavam o Livro de São Cipriano, que fala sobre ocultismo, magias e rituais satânicos para ‘fechar corpos’, onde a entidade maligna protege a pessoa até contra tiros, em troca de sacrifícios”. As forças sobrenaturais, nessa hipótese, estariam suplantando as questões físicas. De acordo com informações do Jornal de Brasília, a cena do crime do assassinato de Cleonice Marques de Andrade, 43 anos, atribuído a Lázaro Barbosa, tem evidências da realização de um ritual satânico. “As consequências podem ser terríveis”, comentou Antônio Júnior sobre o possível pacto diabólico firmado pelo serial killer. “Quando alguém se envolve com essas práticas, não tem noção do perigo que está correndo, porque está abrindo portas para o inimigo dominar a sua vida”, continuou. 

“Aquele que pede por proteção ou milagre ao diabo, pode até conquistar muitas coisas, mas a conta um dia vai chegar e será alta. Somente Jesus pode converter as piores pessoas desse mundo […] Nós não sabemos o que vai acontecer com Lázaro, se ele será capturado ou morto, mas nós precisamos orar para que Deus proteja as famílias das pessoas daquela região”, sugeriu o pastor. Ao final, Antônio Júnior lembrou de uma passagem bíblica para lamentar a situação: “Que Deus tenha misericórdia desse homem, que pode até conhecer a Palavra, mas preferiu se entregar ao poder das trevas. 

A Bíblia diz que aquilo que o homem semear, ele colherá. ‘Mas os covardes, os incrédulos, os depravados, os assassinos, os que cometem imoralidade sexual, os que praticam feitiçaria, os idólatras e todos os mentirosos — o lugar deles será no lago de fogo que arde com enxofre. Esta é a segunda morte’. Apocalipse 21:8”.



Fonte: Voz da Bahia 

Facebook