Foto: Reprodução
O Instituto Butantan enviou um lote com 1,5 milhão de doses da Coronavac nesta segunda-feira para o Ministério da Saúde. As vacinas fazem parte das 46 milhões de doses contratadas pelo Plano Nacional de Imunização (PNI), que segundo o Governo de São Paulo, serão entregues até o final de abril. 

Até o momento foram entregues 39,7 milhões de doses ao PNI, 86,3% do acordo com o Ministério da Saúde As informações são da CNN Brasil. 

O Butantan está com a produção de vacinas paralisada há 15 dias por causa da falta de insumos vindos da China. A previsão é de que novos lotes da matéria prima da Coronavac chegue ao Brasil até 20 de abril, 3 mil litros de IFA para o processamento de mais 5 milhões de doses da vacina.

O Butantan trabalha para entregar outras 54 milhões de doses para vacina até o dia 30 de agosto, totalizando 100 milhões de unidades. Atualmente, mais de 80% das vacinas disponíveis no país contra a Covid-19 são do Butantan. 

Por falta de doses, a Prefeitura de Salvador suspendeu a aplicação da primeira dose nesta segunda-feira. Ao bahia.ba, o secretário de Saúde Leo Prates afirmou que a expectativa é que novas doses estejam disponíveis já na quinta-feira (15).


Fonte: Bahia.Ba

Postagem em destaque

Facebook