Foto: Reprodução
Dois meses após surto de mucormicose, ou fungo negro, no país, três casos de morte de tecidos ósseos depois de contaminação por covid-19 foram comprovados em Mumbai, na Índia, A necrose avascular, também conhecida como osteonecrose, caracteriza-se pela perda temporária ou permanente da irrigação de sangue aos ossos e pode ser a próxima condição debilitante entre os pacientes pós-covid. 

De acordo com o Times of India, os médicos temem que mais casos sejam confirmados nos próximos meses. De acordo com o jornal, 3 pacientes jovens com menos de 40 anos foram tratados no Hinduja Hospital, localizado no bairro de Mahim, depois de desenvolverem necrose avascular. Eles adquiriram a condição 2 meses depois de receberem tratamento para a covid-19. 

“Esses pacientes desenvolveram dor no osso do fêmur (a parte mais alta do osso da coxa) e, como eram médicos, reconheceram os sintomas e correram para o tratamento’‘, afirma o Dr. Sanjay Agarwala, diretor médico do Hospital Hinduja.

Um estudo publicado por ele na revista médica “BMJ Case Studies” associa a morte dos tecidos ósseos ao uso de esteróides para tratar pacientes infectados com o novo coronavirus. Segundo Agarwala, o “uso em larga escala de corticosteróides que salvam vidas” em casos de covid-19 pode resultar no ressurgimento de necrose avascular.



Fonte: A Tarde

Facebook